Blog IPI Ouro Fino

8/08/2006

Limpando... Purificando... Enchendo...

Limpando o Porão... (Salmo 139)

O Porão é um compartimento que existia nos antigos casarões, cujo objetivo era o de guardar relíquias tais como: Tradições, os costumes, assim como todos os instrumentos que possibilitaram o desenvolvimento da vida. No passado, antes da existência dos Bancos, os ricos guardavam seus tesouros nos porões. Também guardavam seus documentos, suas roupas, objetos que traziam boas ou más lembranças. Não é preciso nem lembrar que estas coisas tinham que ficar fora da curiosidade alheia. Ah! O acesso era restrito: parentes, amigos, vizinhos, escravos não tinham acesso a ele, muito menos sabiam de detalhes de seu conteúdo; só os de casa.
Há também o Sótão, que tem quase a mesma função do porão, só que fica na parte de cima da casa. Há casas que tem os dois: Porão e Sótão. Percebemos então, que há duas maneiras de preservar as tradições sempre vivas!
Outro compartimento interessante é a Despensa. Ela é diferente da dupla: Porão/Sótão; pois nela são preservados os víveres – isto é, os alimentos, também a despesa do mês – tudo o que precisamos para viver O AGORA, está ali na despensa. Fazendo um paralelo entre os três compartimentos, há alguma coisa dentro do Sótão ou do Porão que ajude a preservar a vida? Não está na Despensa o alimento e demais itens da despesa mensal que nos ajuda a viver?Todos nós temos porão e sótão! Como o sótão fica na parte superior da casa, daremos o nome de MENTE. Ao porão chamaremos ALMA ou ENTRANHAS (O Antigo Testamento usa a palavra Rins), que simbolizam aquela área do abdome que se agita e se contorce com as preocupações. O que muitos não sabem é que entre o porão e o sótão fica a despensa – a ela daremos o nome de CORAÇÃO. O que sustenta a vida não está no Sótão e nem no Porão; mas está na Despensa. O que dá verdadeiro sentido à vida está no coração. Mas, então, a alma e a mente não sustentam a vida? Sim, elas contribuem, mas, precisam do alimento que está guardado no coração. É desse aspecto da vida que distinguimos a verdadeira vida em abundância. Pensemos nisso!

Um Abraço: Pastor Teotonio.

1 Comments:

  • parabens ao senhor pastor,por essas belas palavras no blog
    mas para alguns membros da igeja essas palavras entram por ouvido e sai pelo outro pois tem um vida suja de mau testemunho que acabam sujando a noiva de cristo que e igreja vive mautrando os familiares e dando falso testemunho em juizo e ainda se dizendo presbiteriano para a justiça mas e como diz o ditado
    (a porta da igreja fica aberta por isso cachorros entram) entao deixemos a unica pessoa que só perde em santidade para cristo continuar suas graçinhas na igreja
    nem se matarem falo que estou falando do DANIEL doceiro

    By Blogger paulo, at 2:11 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home